o primeiro retorno

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email 0 Filament.io 0 Flares ×

para Márcio e Val

há dez anos
– na verdade, há dez minutos –

a longa espera se conclui
no fui-ali que espera no portão

o estranho que chega é
o que sempre esteve aqui sendo

e os gestos primeiros estreiam
os mesmos de ontem, presentes

o diálogo começa na pausa
em que ficou suspenso

sem nunca ter havido.
segue-se o fluir de continuarmos

e a mesma música inédita
que nos tem marcado a vida,

e o que lhes quisera contar ontem
sem nem antes os conhecer

e o motivo de riso
da alegria nas lágrimas comuns

a música com gosto de jabuticaba
a chuva-crepe no lago

o que aqui há que
não havia antes: o quadro?

sem pressa, é a volta
não, é o início

(24110)

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email 0 Filament.io 0 Flares ×