distância

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

a elton vergara nunes

assim, medida em palmos ou em passos
a vasta distância
tão vasta distância
se faz impossível
e nem o sonho e nem o cavalo
se dispõem a transpor

e tanta é assim ela —
a longa viagem, distância tanta —
que faz naufragar paisagens
e ressuscita lembranças
e fala indizíveis memórias.
e os relatos ao vento
sopram ao fim da tarde
em cada curva, em cada arbusto.
e ainda há moinhos de vento
pontes estreitas
longas retas, placas mudas
ossos ao lado da estrada
cidades de quem já partiu
passantes anônimos
companheiros não-convidados
à presente jornada

mata-se a distância
faz-se boas-novas
faz-se infortúnios
faz-se indignações
faz-se apelos ao bom senso, e não nos ouvem!
trilhá-la, passo a passo
sem contá-los,
no espaço em elétrons,
no reencontro das mesmas idéias
há tanto não-vizinhas,
no novo que ganha atenção
da uma só carne.

a medida em palmos ou passos
em léguas ou milhas
em mapas ou palpites
não mais é
e temo-nos
a prosseguir
mesmo distantes
mas não mais.

(scs, 13-15210)

(fonte da foto)

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×