de longe

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Tu te deixaste ver
e, vendo-Te,
eu me vi
ao me ver
Tu me quiseste
e eu não mais me quis:
Te quis
– e como pode ser que
Tu me quiseste
sempre me quiseste!

(sa, 291212)

Print Friendly, PDF & Email

A impressão de sua alma a esse poema:

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×
%d blogueiros gostam disto: